SEGURANÇA FORA DE CASA

No que respeita a segurança fora de casa a primeira coisa a ter em mente é que todos somos potenciais vítimas. Ter noção disso é o primeiro passo para a prevenção. 

Inclua na sua rotina diária alguns hábitos que tornem a sua segurança e a da sua família menos vulnerável e que traduzam um estilo de vida com consciência da segurança. 

Fora de casa, esteja atento ao que se passa à sua volta, confie no seu instinto e tome uma atitude sempre que se sentir desconfortável em qualquer lugar ou em determinada situação: saia imediatamente. 

- Tenha perfeita noção do espaço à sua volta. Evite circular em locais isolados e pouco iluminados. 

- Tente sempre saber o nome da rua em que está e a morada do seu destino. 

- Circule sempre pelo meio do passeio, evitando assim roubos por esticão, feito através de veículos que se aproximam dos passeios. 

- Ande no sentido contrário ao trânsito automóvel, deste modo verá os veículos que se aproximam.

- Planeie um percurso e mantenha-se nele. Evite atalhos que desconhece. 

- Atravesse a rua nas passadeiras ou espaços reservados a peões. 

- Caso esteja a ser seguido, mude de direção e dirija-se para uma zona onde haja pessoas. 

- Caso esteja a ser seguido por alguém com muita proximidade, entre no primeiro estabelecimento e peça auxílio. 

- Não aceite boleias de estranhos ou de pessoas que não conhece bem. 

- Se pratica exercício ao ar livre, procure diversificar os trajetos, optando por zonas movimentadas e bem iluminadas. 

- Transporte sempre a mala ou bolsa debaixo do braço. 

- Caso não use mala ou bolsa, transporte o dinheiro ou carteira nos bolsos da frente das calças. 

- Caso necessite de transportar uma elevada quantia de dinheiro, distribua as notas por diversos bolsos. 

- Tenha o máximo cuidado em locais com muitas pessoas ou entre multidões. Caso sofra um encontrão, verifique se a carteira, telemóvel e restantes objetos de valor continuam consigo.

- Esteja muito atento às mochilas em ambientes de muita afluência. 

- Nas idas às compras, leve consigo apenas os meios de pagamento necessários.

- Certifique-se que a mala ou bolsa se encontra sempre fechada e não mexa no seu interior em locais públicos. 

- Caso seja vítima de roubo, diminua os riscos de ferimentos ou lesões, cooperando calmamente com o assaltante. 

- Em caso de assalto deverá dirigir-se a uma esquadra, apresentando todos os detalhes da ocorrência. 

- Atue com precaução

Antes de levantar dinheiro, observe o espaço envolvente e verifique se não há qualquer situação suspeita. 

- Prefira sempre as caixas automáticas protegidas com porta de segurança e não as instaladas na rua. 

- Ao marcar o código pessoal, tape o teclado com a mão, evitando assim que outros tenham acesso posterior a este código. 

- Tenha sempre consigo os números de telefone necessários para proceder ao cancelamento dos seus cartões em caso de roubo. 

- É conveniente ter apontados os números de telefone necessários em caso de roubo do cartão de crédito, para proceder ao seu cancelamento rápido.

 

- Evite paragens ou estações desertas, prefira as bem iluminadas e com gente.

- Assegure-se de que não vai ter de ficar muito tempo numa paragem de autocarro isolada.

- Escolha os autocarros, metros ou comboios que transportem mais pessoas.

- Escolha sempre que possível, um lugar próximo do motorista.

- Se alguém se sentar ao seu lado e isso lhe causar desconforto, mude de lugar.

- Fique atento aos carteiristas. Evite encontrões e aproximações indesejadas.

- Evite colocar a mala ou carteira à volta do ombro ou pulso. Assim não ficará ferido se for vítima de roubo por esticão.

- Não leve mochilas às costas, coloque-as antes sobre a barriga.

- Verifique se a mala, carteira ou mochila estão fechadas e não mexa no seu interior durante a viagem.

- Transporte o telemóvel separado dos outros objetos para o caso de ter de o utilizar rapidamente.

- Leve sempre consigo as chaves e dinheiro para emergências em lugar diferente da mala, carteira ou mochila.

- Caso seja vítima de roubo, coopere com o ladrão, diminuindo os riscos de ferimentos ou lesões.