O QUE FAZER EM CASO DE EMERGÊNCIA

Seja depois de um assalto, incêndio, ingestão de substâncias tóxicas ou medicamentos, inundação ou sismo, existem alguns passos que deve seguir para que se mantenha calmo e em segurança. Descubra quais as dicas que melhor se adequam a cada uma destas situações e quem deve contactar depois de uma destas ocorrências.

- Contacte de imediato as forças de segurança.

- Não toque nem arrume nada até que as autoridades cheguem. 

- Caso detete que a fechadura foi forçada e portas ou janelas arrombadas ou vandalizadas, não entre em casa. Contacte as autoridades e avise familiares e amigos do sucedido. 

 - Mantenha a calma e contacte os bombeiros, indicando o local exato e o tipo de incêndio.

- Se estiverem pessoas dentro da habitação devem cortar imediatamente o gás e a eletricidade.

- Avise os vizinhos da existência do incêndio.

- Elimine as correntes de ar, fechando as portas e janelas.

- Não utilize os elevadores. 

- Em caso de incêndio num piso superior, abandone rapidamente a habitação com o corpo ao nível do solo.

Em caso de incêndio, ligue de imediato para o 112 ou para os bombeiros da sua área de residência.

 

- Mantenha a calma. 

- Contacte de imediato o CIAV – Centro de Informação Antivenenos ligando o 808 250 143.

- Todas as fontes de água estão contaminadas, portanto não é recomendável beber água da torneira. 

- No caso de não ter acesso a água potável, o mais saudável é fervê-la para eliminar bactérias e parasitas.

- Deite fora os alimentos que tenham estado em contacto direto com a água da inundação. 

- Verifique se existem tubagens de gás danificadas ou com fugas, cabos elétricos molhados ou emersos que possam causar um incêndio. 

- Antes de voltar a usar um aparelho elétrico, confirme se está em boas condições e completamente seco.

- No regresso a casa ou à empresa, utilize calçado com solas grossas de plástico. Os ferimentos mais comuns após uma inundação costumam ser os cortes nos pés.

- Mantenha-se num local seguro e afaste-se de janelas, espelhos, chaminés e outros objetos como candeeiros e móveis que possam cair.

- Ajoelhe-se e proteja a cabeça e os olhos com as mãos. 

- Utilize sempre as escadas.
- Se a rua for um espaço aberto, caminhe calmamente para o meio da mesma. 
- Desligue o gás, a água e a eletricidade. 
- Não acenda fósforos pois poderá existir risco de fugas de gás. 
- Tenha especial atenção aos vidros partidos e cabos de eletricidade. 
- Evite tocar em materiais metálicos que estejam em contacto com fios de eletricidade. 
- Caso veja que o edifício está na eminência de ruir, abandone-o o mais depressa possível. 
- Em caso de derrame de materiais inflamáveis, procure limpá-los o mais depressa possível. 

- Durante a atividade sísmica não tente regressar a casa.
- Caso o sismo ocorra enquanto conduz, pare imediatamente o veículo e procure espaços abertos, mantendo-se no interior da viatura, mas afastado de objetos que possam cair como edifícios, encostas e postes de alta tensão. 
- Mantenha-se afastado das praias, depois de um sismo há probabilidade de ocorrerem tsunamis.